Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Legislativas 2011

Legislativas 2011

05
Abr11

Equivocos

rgomes

No dia 11 de Março, horas antes da Cimeira, Teixeira dos Santos anunciou o PEC IV e revelou o congelamento das pensões.

Ao final do dia o PSD disse que não aceitava o PEC e iniciou-se a actual crise poítica. Seguiu-se José Sócrates a dizer que se o PEC fosse chumbado renunciava ao cargo de Primeiro-ministro.

Com a crise instalada e as eleições à vista, António Costa disse que Teixeira dos Santos criou um grande equívoco quando apresentou o PEC IV. Na manhã seguinte, foi a vez de José Sócrates negar o congelamento das pensões confirmando que houve um erro de comunicação.

Curiosamente, agora, na entrevista à RTP, foi esse o termo que utilizou: congelamento das pensões.

 

Estes "equivocos" podem sair caro. Em situações muito sensiveis deve haver todo o cuidado. Mais ainda quando a oposição tenta acentuar a imagem de que o PM não fala verdade.

05
Abr11

Sócrates e Cavaco

rgomes

Os resquícios da campanha eleitoral para as presidenciais acentuaram o mau estar entre os dois. Não apenas do ponto de vista político mas também pessoal.
Nesta pré campanha o PS tem andado com um discurso oscilante em relação ao PR. Uns criticaram asperamente Cavaco, outros dizem que o adversário político dos socialistas não é o PR.

Na entrevista à RTP, José Sócrates mostrou claramente que Cavaco Silva não fica de fora dos ataques que desencadeia. Porquê?

- há quem interprete esta investida permanente como uma forma de o PS capitalizar o voto de quem não se identifica com Cavaco Silva

- um outro ponto de vista é o PS apostar na criação de uma frente de combate contra a “direita”. A perspectiva de que há um complot e que a situação presente é já resultado desse complot.

- Ao colocar Cavaco Silva como adversário político, Pedro Passos Coelho é menosprezado. Fica no palco como figura secundária.

Vamos agora aos pontos fracos desta estratégia:

- está a ser unânime a criação de um governo forte e estável. Um PM que hostiliza um PR não dá garantias de estabilidade.

- outra ideia que se generalizou é a necessidade de diálogo e entendimento entre os vários partidos. Com este discurso crispado e com uma imagem já muito carregada de autoritarismo, é difícil antecipar José Sócrates a participar nesse diálogo. Ou seja, Sócrates pode estar a dar razão a alguns partidos da oposição que afirma que o problema é ele, Sócrates.

04
Abr11

BE e PCP vão conversar

rgomes

Depois de andarem a ver quem apresentava a primeira moção de censura, PCP e BE vão ter um encontro.

O Público faz título: BE e PCP reúnem-se: aliança à vista?

O convite partiu do Bloco e as primeiras informações avaliam uma eventual coligação apenas depois das eleições.

01
Abr11

Mais duas sondagens

rgomes

Sondagem Eurosondagem Expresso; RR; em 01 Abril de 2011

PSD    37,3 %
PS      30,4 %
CDS   10,7 %
CDU     8,4 %
BE       7,7 %

 

 

Aximage Correio Manhã publicada em 01 de Abril de 2011

PSD   34,8%
PS     28,4%
CDS  10,8
CDU    8,5%
BE      6,5 %
Indecisos 5,5%
OBN    5,5%

 

 

sondagens anteriores, divulgadas na última semana:

TVI/Intercampus 27 Março
PSD    42,2%
PS      32,8%
CDS     8,7%
BE       7,9%.

CDU    7,1%

Marktest/TSF/DE 25 Março
PSD    46,7 %
PS      24,5 %
BE        8.9%
PCP      6, 7%
CDS     6,3%

 

Do lote de sondagens eleitorais habitualmente divulgadas, falta apenas a da Universidade católica que deverá ser conhecida na quarta-feira

Pág. 4/4

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D